Tal Farlow – 78 (1978)

Seu nome original é Talmage Holt Farlow, mas Tal Farlow funciona muito mais que como nome artístico, é quase um apelido. Nascido no estado de Carolina do Norte/USA em 07/06/1921, Farlow tornou-se um dos maiores guitarrista de jazz de sua época. Considerado também um dos maiores de todos os tempos, ele foi apelidado de “Octopus (polvo)” por conta de suas mãos grandes, que se espalharam pelo braço da guitarra, como se fossem tentáculos.

1978 é tido pelos especialistas como um dos álbuns mais obscuros do artista e, a bem da verdade, não consta no Spotify. Este álbum, ainda não reeditado em CD (até a ocasião da escrita deste texto), apresenta o artista performando num trio composto por ele próprio e pelo baixista Gary Mazzaroppi e o baterista Tom Sayek. Apresentando duas composições próprias (Mahoney’s 11 Ohms e Gymkhana no Soho), e complementando por releituras  de clássicos do jazz. Mostra músicos despojados e em boa forma, estando, inclusive, em alguns momentos, excessivamente relaxados – que não os atrapalha de forma alguma. Todos ouvem e reagem atentamente uns aos outros e isto revela um grande entrosamento advindo da amizade entre os músicos.

1978 é ainda hoje um trabalho atual e por isso podemos dizer sem medo de errar que é um dos grandes momentos da carreira do músico.

Referências:

Ajude-nos dando feedback!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.